Livro alerta sobre a importância do apoio na amamentação

Fundadora do Instituto Ery é uma das colaboradoras da obra “Aleitamento Materno na Era Moderna – Vencendo Desafios”
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Print
Imagem: Canva
Imagem: Canva
O mais novo livro da série Atualizações Pediátricas da Sociedade de Pediatria de São Paulo (SPSP) “Aleitamento materno na era moderna – vencendo desafios” expõe temas atuais e que se tornam cada vez mais frequentes na prática pediátrica. A obra conta com a colaboração da médica pediatra e fundadora do Instituto Ery, Honorina de Almeida – Dra. Nina, em três capítulos: “Lactação adotiva”, “Novas estruturas familiares” e “Depressão Pós-Parto”.

 

“A Depressão Pós-Parto, por exemplo, é um quadro comum que, no Brasil, acomete uma em cada quatro parturientes. Por isso, é urgente e necessário abordarmos este tema com os profissionais que estão envolvidos direta e indiretamente na assistência às mulheres e aleitamento materno“, reforça Dra. Nina.

 

Escrito em parceria com a psicóloga e psicanalista, Denise de Sousa Feliciano, e com a psiquiatra Arianne Angelelli, o capítulo apresenta evidências sobre as características que devem ser observadas para reconhecer os sintomas da Depressão Pós-Parto, os aspectos psiquiátricos e blues puerperal, os fatores de risco, diagnóstico e medicações durante a amamentação.

 

Outro tema que merece destaque é exposto no capítulo sobre as novas estruturas familiares. Nele, Dra. Nina e Dr. Yechiel Moises Chencinski, que também é coordenador do projeto, abordam sobre as famílias compostas pela população LGBTQIA+, que nos últimos anos alcançaram grande avanço nos seus direitos legais. Os autores levantam alguns questionamentos, entre eles: a classe médica está preparada para atender e acolher essas novas estruturas familiares?

 

O Capítulo sobre lactação adotiva apresenta os conhecimentos mais recentes que permitem a amamentação de mães que não gestaram, como no caso de adoção ou de famílias de dupla maternidade. Dra. Nina integra o grupo dos 33 colaboradores envolvidos no projeto, coordenador pelo Departamento de Aleitamento Materno da SPSP. “Foi muito bom participar desta iniciativa. Espero que ele renda bons frutos por onde passar, levando mais conhecimento e, sobretudo, um novo olhar para a amamentação”, ressaltou.

 

A edição expõe ainda temas como: “Amamentação nos tempos modernos”, “Janelas de oportunidades para a prática de aleitamento materno com sucesso”, “Desafios da amamentação na Maternidade e após a alta da Maternidade”, “Controvérsias na amamentação”, e muitos outros.

 

A obra é voltada para os profissionais da área da saúde, como pediatras e obstetras, enfermeiras, psicólogos, psiquiatras, fonoaudiólogos, e outros profissionais das Ciências da Saúde que se interessam ou se envolvem com o assunto. Ao todo são 34 capítulos, em um total de 344 páginas. O livro ainda fala da importante correlação das questões nutricionais com as imunológicas, de acordo com as melhores evidências médico-pediátricas.

 

“Aleitamento materno na era moderna – vencendo desafios” pode ser adquirido pelo site.

Artigos relacionados