5 passos para mobiliar um quarto infantil compacto

Arquitetas dão dicas de como aproveitar melhor os espaços
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no email
Email
Compartilhar no print
Print
quarto de bebê
Imagem: projeto Studio M&A Arquitetura

Os apartamentos estão com quartos cada vez menores. Por isso, saber como aproveitar os espaços é fundamental na hora de montar o quarto das crianças.

“Nos últimos tempos, as tendências de apartamentos têm mudado muito para os brasileiros. Uma dessas tendências que está em alta é o microapartamento – ou apartamentos mais compactos. Para pensar na decoração de um apartamento ou cômodo mais compacto, é importante levar em consideração a necessidade de valorizar e aproveitar o espaço”, explica a arquiteta Renata Assarito.

Para ajudar na tarefa de montar o quarto das crianças, o iMom contou com as dicas das arquitetas Renata Assarito e Camila Marinho, do Studio M&A Arquitetura.

Confira os 5 passos para mobiliar um quarto infantil compacto:

Funcionalidade do espaço: o primeiro passo na hora de montar um quarto compacto é definir quais serão as funcionalidades do espaço (ex. quarto de visitas ou home office).  Dessa forma é possível fazer um estudo de layout, listando todos os móveis essenciais para o espaço.

Escolha dos móveis: quando os espaços são reduzidos é fundamental escolher móveis com tamanhos compatíveis e, se possível, com mais de uma função.

Disposição dos móveis: o segredo é deixar um espaço de circulação no meio do quarto para dar a sensação de amplitude. Uma opção é deixar todos os objetos e móveis grandes encostados na parede e em um cantinho que não atrapalhe a circulação, chamado de perímetro das paredes.

Segurança: quando o assunto é quarto de criança, a segurança é fundamental. Além da rede, é importante não colocar móveis perto da janela para evitar que a criança se pendure.

Escolha das cores: uma paleta de cores mais neutras e claras proporciona sensação de amplitude.

 

Artigos relacionados

Assine nossa newsletter


Siga-nos

Publicidade

Mais lidos